Última hora

Em leitura:

Síria: Reconquista de Alepo provoca êxodo inédito na cidade


Síria

Síria: Reconquista de Alepo provoca êxodo inédito na cidade

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Os avanços do exército sírio na zona rebelde de Alepo – a zona leste da cidade – estão a provocar um enorme êxodo naquela que já foi a capital económica da Síria.

Face aos bombardeamentos e aos combates no terreno, desde sábado, mais de 10 mil civis procuraram refugio noutras zonas da cidade, mais seguras, controladas pelo regime ou pelas forças curdas.

A ajuda de emergência proporcionada pelos militares sírios e russos não é suficiente para uma população que vive cercada há quatro meses, sem mantimentos nem medicamentos.

Muitos civis decidiram aproveitar os corredores humanitários estabelecidos e abandonam completamente Alepo.

“Não há comida, exceto pão de má qualidade. Cada família só tem direito a seis bocados de pão. As crianças estão esfomeadas. Por isso, decidimos ir embora”, diz um residente, dentro de um dos autocarros que fazem o corredor humanitário.

Um outro viajante diz: “Por vezes, os militares dizem-nos para partir, outras vezes para ficarmos… Controlam-nos.”

Uma senhora acrescenta: “Temos medo. Não há comida. Não conheço ninguém aqui. Fiquei encurralada quando vim visitar a minha filha.”

Antes do início da ofensiva sírio-russa, no passado dia 15, cerca de 250 mil civis viviam ainda na zona rebelde de Alepo.

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte

mundo

Ucrânia inaugura cúpula de proteção do reator que explodiu em Chernobyl