This content is not available in your region

Excedente de queijo preocupa autoridades de Chipre

Access to the comments Comentários
De  Ricardo Figueira
Excedente de queijo preocupa autoridades de Chipre
Direitos de autor  Petros Karadjias/AP Photo   -  

Chipre está confrontada com um problema insólito: Um excedente de queijo Halloumi. Este queijo salgado, feito a partir de leite de cabra e ovelha, é um do produtos mais conhecidos da ilha. Mas os meses de confinamento e a quebra no turismo e na restauração causados pela pandemia de Covid-19 tiveram um efeito nefasto. Há seis mil toneladas de queijo Halloumi acumuladas em Chipre, sem comprador. Uma grande parte da produção destina-se aos mercados estrangeiros, em particular o Reino Unido, que consome cerca de metade do Halloumi exportado por Chipre. O governo pediu agora aos embaixadores que ajudem a escoar o excedente acumulado.

As autoridades cipriotas alertam para este problema, sete meses depois de o Halloumi ter conseguido, junto da União Europeia, o estatuto de produto com denominação de origem protegida.