This content is not available in your region

Depois da pandemia, o Dubai quer pôr todos a mexer

De  Natalie Lindo & Euronews
euronews_icons_loading
Depois da pandemia, o Dubai quer pôr todos a mexer
Direitos de autor  euronews   -   Credit: Dubai
Tamanho do texto Aa Aa

O Dubai é uma das cidades mais em forma do mundo, graças ao número de ginásios e instalações de treino e ao seu desafio anual de fitness, onde os residentes são encorajados a fazer exercício durante 30 minutos todos os dias, durante 30 dias.

Uma das maiores cadeias de maiores ginásios dos Emirados Árabes Unidos é o GymNation. Estiveram fechados durante 75 dias, no auge do surto do coronavírus, mas proporcionaram aos seus membros e mesmo a quem não o era o acesso a aulas online gratuitas.

Imediatamente após o confinamento, revela Loren Holland, cofundador e diretor da GymNation, foi registado "um enorme aumento da procura".

"Acho que toda a gente tinha a saúde e a forma física um pouco por garantidas e percebeu que agora é de facto o momento de se comprometer com um plano e objetivos de exercício físico", afirma, acrescentando que "imediatamente após a reabertura, vimos provavelmente os melhores três, quatro meses de negócio que alguma vez tivemos como empresa".

Durante esse período, todas as instalações para a prática de desporto foram encerradas e muitas pessoas procuraram alternativas. Voltar ao exercício físico, mesmo que em casa, foi, na perspetiva da psicóloga clínica Saliha Afridi, uma forma de as pessoas ganharem uma sensação de controlo.

"Ajuda com a confiança, com a autoestima, mas também ajuda a libertar químicos felizes. E isso é algo que se quer quando nos começamos a sentir a perder o controlo da vida, tendo em conta as circunstâncias e emoções".

Em 2020, o mercado mundial de equipamento desportivo doméstico valia 8,9 mil milhões de euros, com um crescimento sem precedentes ao longo dos últimos 12 meses.

A Johnson Health Tech Middle East, vende máquinas de exercício para ginásios e uso doméstico. De acordo com o diretor de vendas & marketing, Lotfi Hamrouni, "o desporto em casa representava cerca de 10 porcento do nosso negócio, mas durante a pandemia registámos um crescimento de 95 porcento. E agora tornou-se de facto numa nova tendência. Estava no auge durante a pandemia, mas continua. E verificamos agora que algumas pessoas querem fazer as duas coisas".

Em 2017, foi lançado o Dubai Fitness Challenge, um evento anual onde toda a cidade é encorajada a completar 30 minutos de atividade todos os dias, durante 30 dias.

Saeed Hareb, secretário-geral do conselho Dubai Sports defende que o desporto é importante para toda a comunidade, e que, particularmente com a covid-19, "o que podemos fazer é estar em forma e ser saudáveis".