Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Mogherini e Reino Unido em choque sobre defesa europeia

Mogherini e Reino Unido em choque sobre defesa europeia
Tamanho do texto Aa Aa

Como é que se pode melhorar a cooperação na União Europeia ao nível da defesa foi o tema da reunião dos 28 ministros desta pasta, em Bratislava, com a presença da Alta Representante da Comissão Europeia para a Política Externa.

Federica Mogherini disse que “o trabalho que estamos a fazer para reforçar a defesa comum, ao nível da União Europeia, e a parceria que temos com a NATO não estão em contradição nem em competição. Na realidade, permitem consolidar o trabalho conjunto”.

Esta é a resposta da Comissão Europeia às acusações do Reino Unido de que será uma desnecessária duplicação de esforços.

O ministro britânico, Michael Fallon, afirmou que “vamos continuar contra qualquer ideia de um exército da União Europeia ou de um quartel-general, que simplesmente iria debilitar a NATO. A NATO deve continuar a ser a pedra angular da nossa defesa”.

Mogherini e vários ministros negam que se trate de criar já um exército, mas defendem maior cooperação nas informações e operacionalidade; algo que teve o apoio do secretário-geral da NATO.

“Não há contradição entre uma defesa europeia forte e uma NATO forte, na realidade uma reforça a outra”, disse Jens Stoltenberg, ao lado de Federica Mogherini.