Última hora
This content is not available in your region

A odisseia turística da TUI

A odisseia turística da TUI
Tamanho do texto Aa Aa

TUI AG, o gigante alemão do turismo, não vai pagar dividendos sobre o ano fiscal que terminou em setembro. Mas os investidores não o castigaram esta quarta-feira em Frankfurt. As ações do líder europeu do setor fecham a ganhar 1,5%, mas chegaram a ganhar 5%, graças a lucros operacionais superiores ao previsto.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.