Última hora

H&M suporta a crise

H&M suporta a crise
Tamanho do texto Aa Aa

H&M, segundo maior grupo de vestuário do mundo, publicou esta terça-feira um queda de 2% nas vendas em dezembro, em termos comparativos, ou seja, nas lojas abertas há mais de um ano. Mas o grupo sueco viu as vendas totais subirem 8%, em relação a dezembro de 2011. Um feito saudado na bolsa de Estocolmo.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.