Última hora
This content is not available in your region

Bolsa chinesa encerra em terreno negativo

Bolsa chinesa encerra em terreno negativo
Tamanho do texto Aa Aa

Após mais uma sessão conturbada a bolsa de Xangai encerrou em terreno negativo a perder 1,27%.

A turbulência que se regista desde segunda-feira na bolsa chinesa não dá sinais de abrandar apesar do corte das taxas de juro.

Tudo sugere que os investidores receiam que a redução das taxas de juro não será suficiente para estabilizar a economia em processo de desaceleração.

“Isto acontece sempre que há mudanças na economia. Fica tudo muito turbulento. É como um vendaval antes do tsunami. E depois é que vem o pior, um aumento da taxa de juro em setembro nos Estados Unidos e um corte das taxas na China” adianta Enzio Von Pfeil , especialista em investimento de capital privado.

As autoridades financeiras chinesas anunciaram ainda várias medidas de combate à especulação.

Entre estas conta-se a proibição imposta a cento e sessenta e quatro investidores do mercado de futuros que estão agora proibidos de transacionar durante um mês.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.