Última hora

Última hora

Guterres espera voto por aclamação no Conselho de Segurança da ONU

Em leitura:

Guterres espera voto por aclamação no Conselho de Segurança da ONU

Guterres espera voto por aclamação no Conselho de Segurança da ONU
Tamanho do texto Aa Aa

António Guterres vai ser hoje entronizado como secretário-geral das Nações Unidas. O antigo primeiro-ministro português e ex-Alto Comissário da ONU para os Refugiados conseguiu fazer valer os seus argumentos e venceu as seis eleições informais realizadas pelo Conselho de Segurança.

O presidente do órgão no mês de outubro, o russo Vitaly Churkin, falou em nome dos 15 países com assento no Conselho e saudou o desempenho do português. O embaixador russo pediu aos seus correligionários um voto por aclamação na votação formal que irá decorrer durante a manhã, em Nova Iorque (15h00 em Lisboa).

É muito bom para as Nações Unidas porque é o melhor que é eleito

Marcelo Rebelo de Sousa Presidente da República Portuguesa

A notícia foi naturalmente recebida com satisfação em Portugal, como o demonstrou o presidente Marcelo Rebelo de Sousa:

“Estou muito feliz porque, ao contrário de muitas vozes que ouvi por aí manifestarem-se, acho que isso é muito bom para as Nações Unidas mas é muito bom para Portugal. É muito bom para as Nações Unidas porque é o melhor que é eleito. E nós muitas vezes temos a sensação, a nível internacional, que por causa dos equilíbrios, dos pesos e contrapesos, nem sempre é o melhor o escolhido. Aqui é o melhor a ser escolhido.”

Guterres vai suceder ao sul-coreano Ban Ki-moon e herdar vários dossiês que determinarão o futuro do planeta como a crise dos refugiados, as guerras na Síria e na Ucrânia ou a aplicação do acordo climático.