Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

'Jungle Marathon': Testar os limites a correr 254 km na Amazónia

'Jungle Marathon': Testar os limites a correr 254 km na Amazónia
Tamanho do texto Aa Aa

No Brasil, houve muitos sorrisos e um ambiente de festa à partida para uma das provas desportivas mais duras do mundo, a ‘Jungle Marathon’, na Amazónia, a maior floresta do planeta.

Os mais de quarenta ultramaratonistas inscritos tiveram pela frente 254 km divididos por seis etapas.

Temperaturas acima dos 40 graus, humidade por vezes de 99%, pântanos, cursos de água e as surpresas que trilhos pouco habituados à presença humana sempre trazem, testaram até ao limite as capacidades físicas e mentais dos atletas.

31 participantes conseguiram completar o desafio, mas um ar de esforço e de cansaço substituiu o sorriso no rosto dos que chegaram à meta. No quadro masculino, o triunfo foi para o australiano Andy Turner. Nas senhoras, a mais forte foi a brasileira Isadora Soares. A ‘Jungle Marathon’ regressa em 2017.