EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Social-democrata Sorin Grindeanu é o novo primeiro-ministro da Roménia

Social-democrata Sorin Grindeanu é o novo primeiro-ministro da Roménia
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Sorin Grindeanu é o novo primeiro-ministro da Roménia.

PUBLICIDADE

Sorin Grindeanu é o novo primeiro-ministro da Roménia. O social-democrata obteve, esta quarta-feira, o apoio maioritário no parlamento. 295 deputados votaram a favor da designação de Grindeanu , 133 parlamentares pronunciaram-se contra. O novo Governo inclui 29 ministérios, oito dos quais liderados por mulheres.
O novo chefe do executivo já garantiu que quer atrair “investimentos estrangeiros, que garantam postos de trabalho bem pagos para os romenos”. “Desejo uma Roménia normal, donde os jovens não tenham de sair para conseguir ter salários decentes”, afirmou Grindeanu no parlamento.

Na tomada de posse do executivo, o Presidente Klaus Iohannis lembrou que “este governo deve fazer tudo para fortalecer a posição da Roménia tanto na NATO como na União Europeia”.

Recorde-se que o PSD romeno venceu as legislativas de 11 de dezembro, com 45% dos votos, mas o líder do partido, Liviu Dragnea, está impedido de assumir funções governativas devido a uma condenação por fraude eleitoral. A primeira candidata proposta foi Sevil Shhaideh, que seria a primeira mulher muçulmana a chefiar um governo na União Europeia (UE). No entanto, o Presidente conservador Klaus Iohannis rejeitou a candidata sem explicar o porquê desta recusa. Shhaideh foi agora designada vice-primeira-ministra e será responsável pelo ministério do Desenvolvimento e Fundos Europeus.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Roménia: coligação PSD-ALDE apresenta lista de futuros elementos do governo

Festival das Tulipas na Roménia, uma tradição com mais de meio século

Mansão do rei Carlos III na Roménia reabriu ao público