Última hora

UNICEF diz que crianças da Coreia do Norte estão mais saudáveis

UNICEF diz que crianças da Coreia do Norte estão mais saudáveis
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A UNICEF afirma que as crianças da Coreia do Norte estão mais saudáveis e sofrem menos atrasos de crescimento por causa da subnutrição crónica, mas uma em cada cinco continua a ser afetada.

O anúncio foi feito, na quarta-feira, tendo por base um estudo realizado pelo departamento norte-coreano de estatísticas, com o apoio do Fundo das Nações Unidas para a Infância.

As informações foram recolhidas no ano passado em 8.500 residências.

De acordo com o documento, a taxa nacional de atrasos de crescimento desuniu nos últimos anos na Coreia do Norte passando de 32,4%, em 2009, para 28%, em 2012, sendo em 2017 de 19%.

Os dados mostraram ainda que um terço da água potável das residências está contaminado.

Segundo um relatório da ONU, publicado em março de 2017, 41% por cento da população recebia menos alimentos do que o ideal e 70% dependia da distribuição pública de cereais e batatas.

A ajuda que a ONU pode dar à Coreia do Norte é restrita devido às sanções internacionais, mas pode ajudar com nutrição, saúde, água e saneamento - desde que tenha dados básicos sobre as necessidades das pessoas, de acordo com UNICEF.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.