Última hora

Última hora

Presidente do Perú quer "emergência" no Ministério Público

Presidente do Perú quer "emergência" no Ministério Público
Tamanho do texto Aa Aa

O presidente do Perú quer apresentar um projeto de lei ao Congresso para decretar "emergência" no Ministério Público.

A decisão de Martín Vizcarra acontece depois do procurador-geral Pedro Chavarry ter demitido dois promotores da equipa especial que investiga o envolvimento da elite política do país no caso Lava Jato.

Para o presidente, a decisão do procurador apenas consegue prejudicar os interesses do Perú, um dos doze países da América Latina onde a Odebrecht reconheceu que pagou subornos entre 2005 e 2014.

Rafael Vera e José Domingo Pérez eram os principais responsáveis pela investigação. Os dois já garantiram que vão tentar reverter a medida.

Milhares de pessoas marcharam em Lima para apoiar os dois promotores demitidos.