A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Libra esterlina continua em queda

Libra esterlina continua em queda
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A libra esterlina continua em queda e bastante acentuada. A mais alta dos últimos três anos. Estava a ser negociada, esta terça-feira, a menos de um dólar e vinte cêntimos.

Uma reação ao ultimato, implícito, do primeiro-ministro Boris Johnson ao parlamento britânico para que o apoie se não quer novas eleições. Os investidores estão cada vez mais apreensivos em relação ao que está a acontecer neste já longo caminho para o Brexit. Será essa a causa deste descalabro.

A libra perdeu 20% do seu valor desde que a Grã-Bretanha votou, em referendo, a saída da União Europeia, estávamos em 2016.

A probabilidade de um Brexit sem acordo é cada vez maior e os bancos estão cientes disso. A economia britânica está a ressentir-se. A bolsa londrina também.

A possibilidade de eleições antecipadas, que apresenta novos riscos, está a pôr os cabelos dos investidores em pé.