Última hora

Donas da Fiat e Chrysler, Peugeot e Citroën estão a negociar possível fusão

Donas da Fiat e Chrysler, Peugeot e Citroën estão a negociar possível fusão
Tamanho do texto Aa Aa

O conselho de supervisão do grupo PSA deu luz verde ao presidente executivo da holding dona da Peugeot, Citroën e Opel para prosseguir com as negociações que visão a fusão com a Fiat Chrysler. A concretizar-se, o negócio vai criar um grupo automóvel avaliado em mais de 40 mil milhões de euros.

O casamento pode dar origem ao quarto maior fabricante de carros do mundo, ficando apenas atrás da Volkswagen, Toyota e da aliança Renault- Nissan. Os dois grupos já confirmaram as negociações e em declarações separadas, garantiram que um grupo maior terá maior facilidade em lidar com os desafios tecnológicos do setor.

De acordo com a Reuters, o governo francês acompanha de perto a possível fusão, uma vez que o Estado tem 12% do grupo PSA, através do banco público de investimento, BPI.

Do lado italiano, não há participação pública na Fiat. Mas ministro da Indústria já disse que Roma está a seguir o negócio, mas não quer fazer comentários sobre uma "operação do mercado".

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.