Última hora
This content is not available in your region

Eurolines encerra atividade

euronews_icons_loading
Eurolines encerra atividade
Direitos de autor  euronews
Tamanho do texto Aa Aa

A empresa francesa de transportes rodoviários Eurolines vai cessar as atividades no dia 24 de julho.

De acordo com o advogado dos trabalhadores, Pierre-François Rousseau, a ordem partiu do tribunal de comércio de Nanterre, em França.

A liquidação da Eurolines é justificada com a quebra abrupta de passageiros, provocada pela pandemia da Covid-19.

Em causa estão 115 postos de trabalho.

O sindicalista Mohamed Bessaoud referiu que "a idade média dos trabalhadores é de 45 anos. Muitos têm mais de 20 anos de experiência e, dentro de 15 dias, estarão desempregados"

A liquidação ocorre um ano após a aquisição da Eurolines pelo grupo alemão Flixbus, líder no mercado europeu.

No final de junho, a direção da FlixBus solicitou a abertura de um processo de falência da sua filial de autocarros interurbanos. No entanto, o tribunal solicitou que a Eurolines permanecesse a funcionar sob administração judicial durante um mês.