EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Tem síndrome de Down e é cofundador de um império

Tem síndrome de Down e é cofundador de um império
Direitos de autor 
De  Ana Serapicos
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

"Crazy Socks" é uma empresa de meias e já rendeu 4 milhões de dólares

PUBLICIDADE

John Lee Cronin tem 22 anos e nasceu com síndrome de Down. Depois de acabar o secundário, tanto ele como o pai, Mark Cronin, não sabiam o que fazer com tanto tempo livre. Então, decidiram criar uma empresa de meias, a Crayz Socks, a qual, em português, quer dizer: "Meias malucas", e percebe-se bem porquê. 

Há meias de todas as cores, com todos os desenhos possíveis e imaginários. John Cronin desenha parte dos pares. 

À pergunta: "Porquê meias?", John respondeu com tranquilidade: "Porque são divertidas, têm cor e eu gosto de ser criativo", disse.

"Crazy Socks" tornou-se rapidamente numa pequena empresa de sucesso. 

"Conseguimos criar 35 empregos, 18 deles são mantidos por pessoas com necessidades especiais. Os nossos clientes estão satisfeitos. Temos mais de 10.000 avaliações online - e 96% são comentários de cinco estrelas.", disse Mark Cronin, pai de John e cofundador da "Crazy socks". 

John e o pai já venderam online 115 mil pares de meias, o que corresponde a um lucro de quatro milhões de dólares.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Arte para todos nas ruas de Santiago do Chile

Lyon: Cidade do Empreendedorismo

Art Paris 2024: a cena artística francesa no centro das atenções, com jovens talentos em destaque