This content is not available in your region

Festa do Benfica em destaque na jornada europeia

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Festa do Benfica em destaque na jornada europeia

Esta é a décima quinta etapa da nossa viagem pelos campeonatos de futebol na Europa.

Começamos com a alegria do Benfica, que se tornou campeão de Portugal, a duas jornadas do fim. As águias podem agora concentrar-se na meia-final da Liga Europa, depois do bis assinado por Lima contra o Olhanense. É o trigésimo terceiro título para o clube lisboeta, com um gosto a desforra, depois do campeonato perdido no penúltimo jogo, na época passada.

Do outro lado da fronteira, em Espanha, os jogos ainda não acabaram. O Atlético de Madrid conseguiu uma oitava vitória consecutiva e está mais próximo do título que lhe escapa há 18 anos. Os “colchoneros” sofreram contra o Elche, mas recuperaram depois do penálti falhado de Villa, graças aos golos de Miranda e Diego Costa.

O Barcelona correu riscos ainda maiores, em casa contra o Athletic Bilbao, depois de três derrotas consecutivas, que os eliminaram da Liga dos Campeões e da Taça do Rei. A perder, em apenas três minutos o Barcelona passou para a frente do marcador. Messi, de penálti, fez o golo da vitória, que mantém os catalães na luta pelo título.

O Barcelona está a quatro pontos do Atlético. O Real Madrid está a seis. O clube descansou, tendo em vista a meia-final da Liga dos Campeões e depois da vitória na Taça do Rei, contra o Barça, graças ao golo de Bale. Os merengues podem ainda sonhar com o “triplete”.

Vamos agora até à Alemanha, onde o Borussia Dortmund mantém o segundo lugar na Bundesliga. Os amarelo-e-negros derrotaram o Mainz no sábado, por 4-2 e puderam no domingo assistir à derrota do Schalke 04.

O Schalke perdeu terreno na liga alemã, com a derrota em Estugarda.

O austríaco Martin Harnik fez o 1-0 para os da casa, ao minuto 23. Já na segunda parte, Cacau faz o segundo do Estugarda. O 3-0 foi assinado novamente por Harnik, a cruzamento do japonês Gotoku Sakai.

Adam Szalai reduziu a desvantagem a 20 minutos do fim, mas não evitou a derrota do Schalke por 3-1.

A três jogos do fim, o Schalke tem menos seis pontos que o Borussia e está ameaçado pelo Bayer Leverkuen, vencedor em Nuremberga.

Vamos agora até Roterdão, onde o Ajax perdeu, com surpresa, a Taça da Holanda, derrotado pelo PEC Zwolle. O jogo foi interrompido por duas vezes, por causa de objetos pirotécnicos atirados para o relvado.

O Zwolle é o vencedor da Taça da Holanda. Mas foi o Ajax a abrir o marcador, com Ricardo van Rhijn a encher o pé e fazer o 1-0 logo aos dois minutos de jogo. Nesta altura, ninguém adivinhava a goleada do Zwolle que vinha aí.

Ryan Thomas empatou ao minuto 7 e fez o 2-1 aos 11 minutos. O Zwolle chegou mais três vezes à baliza do Ajax, com dois golos de Guyon Fernández e com Bram van Polen, ao minuto 50, a fechar a contagem em 5-1.

Fechamos com o Paris Saint-Germain, que ganhou o primeiro troféu da época. A equipa de Laurent Blanc venceu a Taça da Liga francesa, ao derrotar o Lyon na final, no Stade de France, com um bis de Edinson Cavani.

Os parisienses vingaram-se assim a derrota em Gerland para a liga. Este foi o quarto triunfo nesta competição, um recorde.