This content is not available in your region

Grécia apresenta lista de reformas

Access to the comments Comentários
De  Ricardo Figueira  com REUTERS
Grécia apresenta lista de reformas

Mesmo com atraso de um dia em relação à data final, a zona euro deve aceitar a lista de reformas económicas que a Grécia vai submeter.

Essa foi a condição dada pelos parceiros da eurozona para a extensão do empréstimo por mais quatro meses. As reformas do novo governo devem incluir um combate mais acentuado à evasão fiscal e à corrupção.

O governo grego insiste que estas são reformas que ele próprio decidiu e não as que foram impostas pela troica.

Nas ruas de Atenas, as opiniões viram-se contra a Alemanha: “Eles tentam, de todas as formas, impor as opiniões deles e aumentar a hegemonia sobre a Europa. A Grécia é uma primeira experiência, somos uma cobaia”, diz um cidadão.

Outro acrescenta: “A Alemanha não pode ter feito tanto dinheiro com a União Europeia. É a única economia a ter tido um desempenho tão bom e agora está a ser demasiado dura”

Para já, os bancos estão a ser penalizados pela mudança de governo e pelo medo de uma saída da Zona Euro. Segundo uma fonte da agência Reuters, só na sexta-feira foram levantados mil milhões de euros dos bancos gregos.