A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Budapeste nega intervenção da UE para bloquear acordo nuclear com Rússia

Budapeste nega intervenção da UE para bloquear acordo nuclear com Rússia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Húngria negou esta noite a informação de que a União Europeia teria bloqueado o acordo firmado entre Budapeste e Moscovo para expandir a central nuclear de Paks, a única do país.

Segundo o jornal Financial Times, Bruxelas teria validado a decisão da agência europeia de energia atómica – Euratom – de rejeitar o acordo orçado em 12 mil milhões de euros.

Na base da decisão, tomada na semana passada, segundo o jornal económico, estaria o facto do contrato conceder o monopólio à Rússia do fornecimento de combustível nuclear, uma situação que vai contra as regras de concorrência europeias.

O acordo, assinado entre Vladimir Putin e Viktor Orban, em janeiro, prevê a concessão de um empréstimo russo para financiar a obra.

O ministro da comunicação húngaro rejeitou esta noite as informações, pedindo ao Financial Times que retifique a notícia.

Os detalhes do acordo foram classificadas como segredo de estado por Viktor Órban, esta quinta-feira, o que adensa a confusão sobre o acordo entre os dois aliados.