A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

"Isis" - a farmacêutica - considera mudar de nome

"Isis" - a farmacêutica - considera mudar de nome
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Não, não é o braço farmacêutico do autodenominado Estado Islâmico. A Isis é uma farmacêutica da Califórnia que está a considerar mudar de nome porque o seu é exatamente igual a um dos acrónimos mais utilizados pela imprensa anglófona para identificar o grupo jihadista.

A empresa norte-americana adotou o nome “Ísis” em homenagem à deusa da mitologia grega. A farmacêutica produz medicamentos para o tratamento do cancro, problemas cardiovasculares e doenças neurológicas.

A companhia está preocupada com “as conotações negativas” que agora recaem sobre a palavra “Isis”, mas ainda não tomou uma decisão final sobre a mudança de nome.