Última hora
This content is not available in your region

Philips admite venda da divisão de iluminação

Access to the comments Comentários
De  Patricia Cardoso com REUTERS, ANSA
Philips admite venda da divisão de iluminação
Tamanho do texto Aa Aa

A Philips admite a venda do setor de iluminação. O fabricante holandês de equipamento médico, produtos de consumo e iluminação pondera quer uma Oferta Pública de Aquisição ou uma venda privada. A escolha dependerá das condições que sejam mais favoráveis para os acionistas.

A iluminação foi o primeiro negócio da Philips, criada em 1891.

A multinacional começou a separação dos negócios há dois anos e afirma que pretende focar-se no setor médico.

No primeiro trimestre, a companhia registou um EBITDA (lucros antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) de 374 milhões de euros, o que representa um crescimento de 14% face ao mesmo período do ano passado.

A divisão de iluminação, avaliada em 5 mil milhões de euros, contou cerca de sete por cento nos lucros da empresa.