EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

May anuncia Governo com apoio dos unionistas da Irlanda do Norte

May anuncia Governo com apoio dos unionistas da Irlanda do Norte
Direitos de autor 
De  Pedro Sacadura com REUTERS, EFE
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
PUBLICIDADE

Se dúvidas houvesse, Theresa May confirmou, no rescaldo de um breve encontro com a rainha Isabel II, esta sexta-feira no Palácio de Buckingham, que se manterá no poder. Sem maioria absoluta, a primeira-ministra conservadora não se deixou abalar pelo revés político das eleições legislativas e anunciou que formará Governo com o apoio do Partido Democrático Unionista da Irlanda do Norte.

“Reuni-me com a Rainha e vou formar Governo. Um Governo que possa dar certezas e fazer o Reino Unido avançar nesta fase crítica. Este Governo vai guiar o país ao longo do diálogo crucial para a saída da União Europeia (UE) que começa dentro de dez dias e vai fazer cumprir a vontade do povo britânico saindo da UE. O que o nosso país precisa, mais do que nunca, é de certeza. Ao garantirmos o maior número de votos e de assentos parlamentares, está claro que apenas os conservadores e os unionistas têm a legitimidade e capacidade para garantir essa certeza comandando uma maioria na Câmara dos Comuns”, disse Theresa May durante um discurso à porta do no.10 de Downing Street.

Theresa May’s #GE2017 speech in full. pic.twitter.com/MWojJcaCgL

— Stephen Knight (@GSpellchecker) June 9, 2017

E nome da “certeza”, que considera essencial, May prometeu trabalhar para manter o Reino Unido protegido e seguro, reprimindo a ideologia do extremismo islâmico, todos os que a apoiam e dando à polícia e às autoridades os poderes de que precisam para garantir essa segurança.

Por outro lado, Arlene Foster, líder do Partido Democrático Unionista da Irlanda do Norte, disse, através das redes sociais, que falou com May para discutir como é que irão “trazer estabilidade” para o Reino Unido.

I have spoken with the PM. We will enter discussions with the Conservatives to explore how we can help bring stability to our nation. pic.twitter.com/sTjTwJDbKU

— Arlene Foster (@DUPleader) June 9, 2017

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Eleições britânicas fazem as manchetes

May quer "estabilidade" depois de perder maioria absoluta

Afinal, Nigel Farage vai concorrer às eleições no Reino Unido