EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Protestos contra Daniel Ortega já fizeram mais de meia centena de mortos

Protestos contra Daniel Ortega já fizeram mais de meia centena de mortos
Direitos de autor REUTERS/Oswaldo Rivas
Direitos de autor REUTERS/Oswaldo Rivas
De  Euronews com EFE / AFP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Episcopado apela ao diálogo e Exército condena repressão de manifestações contra o presidente da Nicarágua

PUBLICIDADE

As manifestações contra o presidente Daniel Ortega, que duram há 25 dias na Nicarágua, já fizeram 54 mortos e mais de quatrocentos feridos.

O movimento de contestação, nascido contra a desde então abandonada reforma das pensões, denuncia o autoritarismo do chefe de Estado, um ex-líder da revolução sandinista, que dirigiu o país entre 1979 e 1990 e novamente desde 2007.

O Exército afastou-se este fim-de-semana do presidente, condenando a repressão contra os manifestantes conduzida pela polícia. 

O episcopado, com um papel de mediador, voltou a apelar ao diálogo, depois de Ortega ter prometido pôr fim à repressão e aceitado que a Comissão Interamericana de Direitos Humanos investigue a morte de manifestantes.

Partilhe esta notíciaComentários