Última hora

Última hora

Japão disposto a interromper importações de petróleo iraniano

Em leitura:

Japão disposto a interromper importações de petróleo iraniano

Japão disposto a interromper importações de petróleo iraniano
Tamanho do texto Aa Aa

As empresas japonesas dizem ainda não ter tomado uma decisão mas procuram fornecedores alternativos para aumentar quantidades importadas de petróleo de outros países.

Os grupos petrolíferos nipónicos deverão privar-se do crude iraniano, que representa 5,3% do total importado. De acordo com vários meios de comunicação social japoneses em causa está o receio de represálias norte-americanas no caso de se manterem as relações comerciais com Teerão.

Em novembro aguardam-se mais sanções de Washington que afetarão o setor petrolífero e do gás, essencial para a economia do Irão.

O executivo japonês tentou negociar um regime de exceção para continuar a adquirir petróleo iraniano mas de acordo com os media do país os EUA rejeitaram e Tóquio tem poucas possibilidades de impor a vontade própria.

Pobre em recursos, o Japão está altamente dependente de outros países em matéria de abastecimento energético.