Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Parlamento Europeu vota proibição de plásticos descartáveis

Parlamento Europeu vota proibição de plásticos descartáveis
Tamanho do texto Aa Aa

A dependência do plástico está a criar 25 milhões de toneladas de resíduos deste material todos os anos na Europa.

A proposta que pretende proibir a venda de produtos de plástico de utilização única na União Europeia a partir de 2021 vai ser votada no Parlamento Europeu esta quarta-feira.

"Há reações muito violentas em alguns setores na Alemanha, no setor dos balões, por exemplo, e isto reflete-se nalgumas das alterações dos meus colegas", sublinha Frédérique Ries, eurodeputada liberal que redigiu o relatório que sugere a proibição da produção e venda de plásticos descartáveis no Mercado Comum Europeu a partir de 2021.

Junto ao Parlamento Europeu em Estrasburgo, ativistas chamam a atenção para o problema do plástico, desejando que as mentalidades mudem. "Precisamos de garantir que a Coca Cola e outras grandes empresas agroindustriais mudem as suas embalagens e de ter menos resíduos no oceano e na natureza, e de preservar o ambiente e a saúde da população", diz Hugo, um dos manifestantes.