Última hora

Última hora

Berlim destaca Merz e Kramp-Karrenbauer na sucessão de Merkel na CDU

Berlim destaca Merz e Kramp-Karrenbauer na sucessão de Merkel na CDU
Tamanho do texto Aa Aa

Friedrich Merz e Annegret Kramp-Karenbauer parecem estar na frente de uma corrida a três pela sucessão de Angela Merkel à frente da União Democrática Cristã (CDU, a na sigla original).

A maior força política alemã encerrou esta sexta-feira, em Berlim, uma série de oito congressos regionais onde os três candidatos apresentaram os respetivos projetos para o futuro do partido e, por conseguinte, do país e da Europa.

A escolha está marcada para o Congresso de Hamburgo, marcado para 07 e 08 de dezembro.

A Euronews esteve presente neste derradeiro congresso regional da CDU e ouviu a opinião de alguns militantes sobre os candidatos.

Para Sebastian Knöckel, o regressado Friedrich Merz "tem vindo a mostrar dinamismo há já muito tempo".

"É um candidato que defende a mudança, é criativo, entende o que está em jogo e também defende uma reforma económica que sempre quisemos iniciar mas que não estava a acontecer com Merkel", explicou.

Anna Dentler tem preferência por Annegret Kramp-Karrenbauer.

"Já a vi em diversos eventos e penso que é sempre muito clara quanto ao futuro. Ela tem uma visão para a Alemanha e não me parece que isso aconteça com Merz, que não tem estado muito ativo nos últimos 15 anos. Espero que Kramp-Karrenbauer vença", desejou.

A correr por fora parece estar Jens Spahn, o atual ministro da Saúde e o mais jovem de entre os três candidatos a liderança do partido.

O enviado especial da Euronews ao Congresso da CDU em Berlim ouviu "o mais longo aplauso da noite para Friedrich Merz" e ficou com a ideia de ser este "o preferido de muitos dos militantes de Berlim."

"Só que não vão ser necessariamente os militantes do partido a escolher o novo líder. Serão os 1001 delegados presentes no congresso do partido em Hamburgo e eles poderão não votar da forma que as bases do partido desejam", avisa Jona Kallgren.