A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

O impulso europeu na indústria agroalimentar da Moldávia

O impulso europeu na indústria agroalimentar da Moldávia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A edição desta semana de Business Planet é dedicada ao setor agroalimentar da Moldávia e aos instrumentos que lhe estão a ser fornecidos pela União Europeia para avançar com a renovação das suas pequenas e médias empresas (PME's), cuja capacidade de financiamento é sempre uma dificuldade.

Neste país da Europa Oriental, esse financiamento pode ser especialmente complicado, mas a situação parece estar a mudar. E é em Soroca, no norte do país, que testemunhamos o exemplo de quintas, como esta de produção de nozes, que estão a beneficiar de uma iniciativa europeia especial.

Esta não é apenas a maior quinta de nogueiras da Moldávia, é também a maior da Europa. Cobrindo uma enorme área de 750 hectares, a AMG Kernel exporta quase 80 por cento de sua colheita e a maioria vai para a Europa. Embora grande, a fazenda, como muitas na Moldávia, precisava de se modernizar, e graças a um projeto chamado 'Fruit Garden' garantiu um empréstimo de 2,5 milhões de euros da Mobiasbanca.

Victor Guru é o diretor desta exploiração agrícola e explica à reportagem da euronews de que forma o financiamento o ajudou a desenvolver o negócio.

“Este projeto financiado pela União Europeia permitiu-nos começar a construir esta fábrica de processamento de nozes. O resultado foi tornarmo-nos mais competitivos na venda dos nossos produtos para os mercados europeus”, afirma.

O empréstimo foi possível após o Banco Europeu de Investimento ter emprestado aos bancos nacionais da Moldávia 120 milhões de euros. E graças à iniciativa EU4 Business da União Europeia, os agricultores podem agora ter também aconselhamento e apoio técnico.

Igor Gorashov trabalha com empresas no terreno e revela os outros apoios que estão em jogo para os agricultores, além do financiamento: “Estamos essencialmente a juntar as pessoas, porque antes era um problema para os agricultores moldavos terem acesso a financiamento. Por isso, ajudamos tanto os agricultores como os bancos a trabalharem em conjunto e a melhorar o acesso ao financiamento das PME's moldavas.”

O projecto "Fruit Garden" insere-se numa estratégia mais ampla para ajudar a impulsionar o desenvolvimento económico na Moldávia e nos vizinhos orientais da Europa. Para Victor Guru, o apoio europeu é crucial.

“Estes investimentos da União Europeia são extremamente benéficos para a República da Moldávia, uma vez que permitem uma integração mais rápida da nossa economia nos mercados europeus. Este financiamento permite-nos seguir os padrões europeus e fornece um quadro jurídico desde a fase de implementação, para que no futuro possamos ser mais competitivos ao penetrar nos mercados comunitários”, resume Victor.

Informações adicionais:

https://ec.europa.eu/europeaid/blending/fruit-garden-moldova_en

http://www.eu4business.eu/

http://www.eu4business.eu/moldova

http://www.eib.org/infocentre/press/releases/all/2017/2017-180-eu-bank-launches-new-scheme-to-support-private-sector-in-republic-of-moldova.htm