A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Parlamento grego vota hoje acordo sobre novo nome da Macedónia

Parlamento grego vota hoje acordo sobre novo nome da Macedónia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Voltou a haver confrontos em frente ao Parlamento Grego, entre a polícia e os manifestantes que protestam contra o acordo sobre o novo nome da Macedónia. Dentro do edifício, o número elevado de deputados que queriam usar da palavra não permitiu que o documento fosse a votos na quinta-feira, como previsto. A votação acabou adiada para esta sexta-feira. Os manifestantes não querem que o acordo seja ratificado.

O acordo prevê que a antiga república jugoslava da Macedónia passe a chamar-se "República da Macedónia do Norte". Uma parte da sociedade grega não aceita que o país vizinho use o étimo "Macedónia", que é também o nome de uma região do norte da Grécia, na qual se inclui a cidade de Salónica. Foi a partir desta região que Alexandre, o Grande, terá iniciado a expansão do império e os gregos parecem temer que os macedónios se pudessem tentar apropriar desta herança cultural.

"Se dermos este passo, a história vai dar razão à Grécia, porque a Grécia aproveitou uma oportunidade, lutou, e agora tornou-se o patrocinador da estabilidade e do crescimento comum nos Balcãs. A nossa história e os nossos valores não nos permitem ser um outsider dos desenvolvimentos internacionais", disse o primeiro-ministro Alexis Tsipras.

"A Grécia vai poder a qualquer altura vetar o processo de Skopje, juntando-se à família europeia. E este é um direito que o nosso país tem e do qual eu não vou desistir", afirmou o líder da oposição, Kyriakos Mitsotakis.

A votação do acordo vai decorrer esta tarde. Ao mesmo tempo haverá um protesto à porta do Parlamento.