Última hora
This content is not available in your region

"Podemos ter uma localização precisa das pessoas no mar"

euronews_icons_loading
"Podemos ter uma localização precisa das pessoas no mar"
Tamanho do texto Aa Aa

Na Grécia e em toda a Europa, várias empresas de cruzeiros estão a trabalhar em conjunto para garantir que todos os passageiros evacuados sejam contabilizados. O uso de um "chip" por cada passageiro é a solução.

Tasos Kounoudes, CEO da SignalGeneriX e gerente Técnico da LYNCEUS2MARKET, falou com a a Euronews sobre o dispositivo que querem introduzir nos navios de cruzeiro na Europa.

“A maioria das pessoas no mar não morre de afogamento, mas de hipotermia. Por isso, é muito importante localizá-las o mais rápido possível. As tecnologias baseadas em GPS são caras, por isso não são implementadas em larga escala. Dentro deste projeto, demos grande importância à redução do custo - portanto, esta é uma solução económica, comparada com a tecnologia GPS. Estes dispositivos conseguem ser localizados em todas as condições climáticas, mesmo em condições extremamente difíceis e mesmo sem luz alguma. Dessa forma, podemos ter uma localização precisa das pessoas no mar em todas as condições meteorológicas. Todas as tecnologias foram testadas em tempo real, por isso , atingimos um nível de prontidão de alta tecnologia. Estamos, desde há dois anos, a testar, em simulacros: nos navios, no mar - e agora estamos prontos para seguir para o próximo passo, que é a comercialização", contou.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.