A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

"Podemos ter uma localização precisa das pessoas no mar"

"Podemos ter uma localização precisa das pessoas no mar"
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Na Grécia e em toda a Europa, várias empresas de cruzeiros estão a trabalhar em conjunto para garantir que todos os passageiros evacuados sejam contabilizados. O uso de um "chip" por cada passageiro é a solução.

Tasos Kounoudes, CEO da SignalGeneriX e gerente Técnico da LYNCEUS2MARKET, falou com a a Euronews sobre o dispositivo que querem introduzir nos navios de cruzeiro na Europa.

“A maioria das pessoas no mar não morre de afogamento, mas de hipotermia. Por isso, é muito importante localizá-las o mais rápido possível. As tecnologias baseadas em GPS são caras, por isso não são implementadas em larga escala. Dentro deste projeto, demos grande importância à redução do custo - portanto, esta é uma solução económica, comparada com a tecnologia GPS. Estes dispositivos conseguem ser localizados em todas as condições climáticas, mesmo em condições extremamente difíceis e mesmo sem luz alguma. Dessa forma, podemos ter uma localização precisa das pessoas no mar em todas as condições meteorológicas. Todas as tecnologias foram testadas em tempo real, por isso , atingimos um nível de prontidão de alta tecnologia. Estamos, desde há dois anos, a testar, em simulacros: nos navios, no mar - e agora estamos prontos para seguir para o próximo passo, que é a comercialização", contou.