A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Londres inaugura parque de esculturas ao ar livre

Londres inaugura parque de esculturas ao ar livre
Direitos de autor
أسوسيتد برس
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Em Londres já abriu a maior mostra mostra anual de esculturas ao ar livre.

Um total de 23 artistas provenientes de 17 países exibem as suas obras até ao início de outubro. A exposição é uma iniciativa da feira de arte contemporânea, Frieze.

"É maravilhoso ver as pessoas a fazerem piqueniques entre as esculturas. É incrível ver a curiosidade das pessoas a despertar. Há pessoas que visitam esta parte do parque e descobrem aqui estas esculturas", afirma a diretora do evento, Victoria Siddall.

Eis a lista do artistas representados:

Iván Argote, Ghazaleh Avarzamani, Huma Bhabha, Peter Buggenhout, Jodie Carey, Ma Desheng, Tracey Emin, Lars Fisk, Barry Flanagan, Charlie Godet Thomas, Leiko Ikemura, Robert Indiana, Vik Muniz, Zak Ové, Jaume Plensa, Bettina Pousttchi, Tom Sachs, Lucy Skaer, LR Vandy, Joanna Rajkowska, Tai-Jung Um, Bill Woodrow e Emily Young.

"Penso que isto convida à interação, não é preciso entrar num edifício e subir as escadas para a galeria. Está tudo à vista e disponível. É importante", diz John Whelan, um turista norte-americano que já visitou o parque.

Este parque de esculturas temporário conta com obras de artistas de renome de todo o mundo. Os visitantes podem descarregar uma aplicação que contém um guia auditivo gratuito.

Prevê-se que a exposição venha a atrair mais de um milhão de visitantes até outubro.

A feira de arte contemporânea Frieze terá lugar de 3 a 6 de outubro.