Última hora

Última hora

Mulheres que desafiaram status quo em destaque na Frieze Art Fair

Em leitura:

Mulheres que desafiaram status quo em destaque na Frieze Art Fair

Mulheres que desafiaram status quo em destaque na Frieze Art Fair
Tamanho do texto Aa Aa

É provavelmente o maior acontecimento do ano no mundo das artes no Reino Unido. A Frieze Art Fair reúne mais de 160 das mais prestigiadas galerias de arte do planeta e expõe o trabalho de mais de um milhar de artistas. Na edição deste ano é possível assistir a uma exposição intitulada "Social Work", que pretende homenagear as mulheres que desafiaram um mundo predominantemente masculino.

Victoria Siddal, diretora do festival, refere que o projeto nasceu quando desafiaram um grupo de curadoras baseadas no Reino Unido a apresentar ideias sobre como seguir em frente e criar qualquer coisa relevante para curadores, museus e colecionadores e que o resultado foi "Social Work", uma série de apresentações individuais feitas por mulheres que trabalharam nos anos oitenta e noventa.

Também em destaque está o trabalho de Sonia Boyce, "The Audition 1997", uma série de 400 fotografias a preto e branco com pessoas a experimentar uma cabeleira afro.

A Frieze Art Fair decorre no Regent's Park, em Londres, até domingo.

Mais sobre Cult