A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

EUA e França chegam a acordo sobre taxas

EUA e França chegam a acordo sobre taxas
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os Estados Unidos recuam na intenção de aumentar as tarifas sobre os vinhos franceses, depois do acordo com a França sobre a taxa aplicada aos gigantes tecnológicos.

O ministro francês das Finanças, Bruno Le Maire, disse que depois da cimeira do G7 a ameaça de uma tarifa sobre o vinho francês ficou mais longe.

A França comprometeu-se a deixar cair a taxa GAFA, aplicada à Google, Amazon, Facebook e Apple, assim que for encontrada uma solução internacional sob a égide da OCDE.

"Chegámos a um acordo para resolver estes problemas entre nós. No dia em que tivermos essa fiscalidade internacional, a França suprimirá qualquer projeto de imposto - era isso que queríamos fazer. Todos os montantes pagos às Finanças francesas serão deduzidos do imposto internacional", afirmou o presidente Emmanuel Macron.

O presidente dos Estados Unidos fugiu à questão das tarifas sobre os vinhos franceses: "Agora, posso confirmar que a primeira-dama adorou o vosso vinho, ok? Ela adorou o vosso vinho francês".

O imposto chamado GAFA entra em vigor este ano e incide sobre o volume de negócios dos gigantes tecnológicos.