Última hora

Confiança na Economia da Zona Euro recupera

Confiança na Economia da Zona Euro recupera
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Voltou a subir a subir confiança na Economia da Zona Euro. O indicador que mede o optimismo de empresas e consumidores recuperou ligeiramente depois de ter caído em Julho.

Fora dos países da moeda única, a tendência continua negativa. A incerteza do Brexit continua a travar as expectativas.

Em Portugal, os números da Comissão Europeia são confirmados pelo INE. O indíce de confiança dos consumidoresestá há 5 meses a subir. O clima económico mantém-se estável.

Na Zona Euro, o setor industrial é o que mais contribui para o optimismo, com encomendas e stocks dentro das previsões. No caso do retalho, a recuperação da confiança fez-se sentir especialmente em Espanha, que teve o maior crescimento no indicador de Sentimento Económico.

A indefinição política que marca o tempo em Itália teve reflexo direto na Economia. Empresários e consumidores esperam para ver aquele que se anuncia como o primeiro governo pró-europeu dos últimos meses.

Contra a corrente na tendência que marca a estagnação das maiores economias, a França, que tinha derrapado em julho, surpreende e este ano está a crescer acima das previsões.

Fora da zona Euro, a ameaça de uma recessão no Reino Unido arrasta o índice. Indústria, Construção, Comércio, Serviços e Consumidores mostram-se apreensivos.

Outside the Eurozone, UK economic sentiment prolonged the fall in pessimism.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.