A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Dois comissários-designados bloqueados pelos eurodeputados

Dois comissários-designados bloqueados pelos eurodeputados
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

"Tenho a consciência tranquila" disse o húngaro Laszlo Trocsanyi, de centro-direita, ao deixar a sala da comissão de Assuntos Jurídicos do Parlamento Europeu, que bloqueou a sua candidatura a membro da futura Comissão Europeia, esta quinta-feira. O mesmo bloqueio foi aplicado à romena Rovana Plumb, de centro-esquerda.

"Neste momento verificamos que existem conflitos de interesses, pelo que não podemos validar os candidatos. Cumprimos o nosso papel e não podemos validar a indicação destes dois comissários", explicou, aos jornalistas, Manon Aubry, eurodeputada francesa da esquerda radical que é membro daquela comissão parlamentar.

Os problemas com as declarações de interesses financeiros impedem, para já, que os candidatos participem nas audiências sobre as suas competências, que começam a 30 de setembro e terminam a 8 de outubro.

O eurodeputado húngaro de centro-direita, Jozsef Szajer, eleito pelo partido no poder na Hungria, fala de perseguição política: "Isto é uma caça às bruxas política e vamos enfrentá-la como tal. Antes de o procedimento começar, a decisão já estava tomada. Isto faz-me lembrar as perseguições do regime comunista".

Cabe à presidente-designada da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, decidir se pede novos nomes aos governos da Hungria e da Roménia.

O húngaro estava nomeado para a política de Vizinhança e Alargamento e a romena para a pasta dos Transportes.