Última hora

Plano de Investimento europeu facilita cre´dito para PME

Plano de Investimento europeu facilita cre´dito para PME
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O financiamento é um aspeto vital para uma PME em crescimento.

A editora alemã Inkitt desenvolveu um algoritmo que permite analisar o comportamento dos leitores e identificar livros com grande potencial de sucesso. A start-up sedeada em Berlim criou também uma aplicação de leitura imersiva. "Na nossa editora, os autores publicam os manuscritos no nosso site, e, no início, os leitores podem lê-los gratuitamente. Analisamos uma série de dados para prever o potencial do livro. As melhores obras são publicadas na nossa aplicação de leitura imersiva, a Galatea, onde é possível ouvir efeitos sonoros, pode até ouvir o ritmo cardíaco do protagonista enquanto está a ler", explicou o presidente da empresa, Ali Albazaz.

A Inkitt foi financiada através de capitais de risco, num mecanismo apoiado pela União Europeia que permite reduzir o risco do investidor privado. "O financiamento foi fundamental, ajudou-nos a chegar aos dois milhões de utilizadores para a plataforma Inkitt e chegar ao milhão para aplicação Galatea em apenas dez meses. É a aplicação com maior crescimento no domínio do entretenimento", sublinhou o empreendedor.

Mecanismo europeu facilita concessão de crédito

Mais de um milhão de pequenas empresas europeias tiveram acesso ao financiamento do Plano de Investimento para a Europa. "Para nós, enquanto banco de desenvolvimento regional, este mecanismo de apoio europeu ajuda-nos a partilhar o risco. Desde 2014, na região de Berlim, mais de duzentas empresas beneficiaram destes fundos", explicou Irene Schucht, diretora do Departamento de Estratégia do Investment Bank Berlin (IBB). A responsável garante que a ajuda pode ser obtida sem perda de tempo em procedimentos burocráticos. "É muito fácil, basta contactar a Rede Europeia de Empresas, num país europeu. Ou falar connosco diretamente,nós encontraremos uma forma, sem grandes burocracias, para que a sua empresa obtenha financiamento", sublinhou Irene Schucht, do Investment Bank Berlin (IBB).

O Plano de Investimentos para a Europa

euronews: O Plano de Investimentos para a Europa facilita a concessão de empréstimos bancários?

Irene Schucht, diretora do Departamento de Estratégia do Investment Bank Berlin: "Existem muitos programas voltados para as startups e as empresas pequenas e inovadoras que combinam financiamento privado, regional e da UE. O Investitionsbank Berlin oferece refinanciamento na forma de empréstimos a bancos comerciais, como no programa" Berlin Innovativ ". Ao incorporar uma contra-garantia de 50% do programa InnovFin, no âmbito do Plano de Investimentos para a Europa, o IBB pode assumir 70% do risco de insolvência. Isto incentiva outros bancos em Berlim a financiar negócios inovadores e novas tecnologias sem garantia e, em consequência, incentiva-os a apoiar projetos que poderiam parecer um pouco arriscados, apesar de terem boas perspetivas comerciais".

euronews: Enquanto empresário, como posso aceder a este tipo de financiamento?

Irene Schucht, diretora do Departamento de Estratégia do Investment Bank Berlin: "A região de Berlim possui duas agências dedicadas às empresas que precisam de apoio para financiar os seus projetos. A Enterprise Europe Network Berlin-Brandenburg oferece informações e conselhos sobre sistemas de financiamento da UE e ajuda a estabelecer parcerias internacionais. O Investitionsbank Berlin, o banco de desenvolvimento regional, oferece acesso direto e indireto ao financiamento em cooperação com bancos comerciais, e o IBB administra mais da metade dos fundos ESIF (FEDER) para Berlim através de instrumentos como bolsas para projetos de Investigação e Desenvolvimento (Pro FIT). , microcréditos e capital de risco para startups criativas e das áreas tecnológicas".

Diretora do Departamento de Estratégia do Investment Bank Berlin

Factos úteis

  • O objetivo do Plano de Investimentos para a Europa, lançado pela Comissão Europeia em 2014, era mobilizar € 315 mil milhões em investimentos adicionais. Em outubro de 2019, espera-se que o Plano gere 439,4 mil milhões de euros em investimentos, com uma meta de 500 mil milhões de euros até 2020.

  • Espera-se que mais de um milhão de pequenas empresas beneficiem de melhor acesso ao financiamento graças ao plano europeu.

  • O Inkitt recebeu um investimento de capital da Frontline Ventures, uma empresa de capital de risco apoiada pelo Fundo Europeu de Investimento, no âmbito do Plano de Investimento para a Europa e o InnovFin Equity.

  • O setor das indústrias culturais e criativas, onde a Inkitt opera, contribui significativamente para a economia da UE, com um volume de negócios estimado de € 1.500 mil milhões de euros por ano. O número de empregos gerados ronda os 12 milhões, o que corresponde a 7,5% do total de pessoas empregadas na UE.

Ligações úteis

Plano de Investimento da UE

Resultados do plano de investimentos na Alemanha

Indústrias criativas

Aumentar a competitividade das indústrias culturais e criativas

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.