Última hora
This content is not available in your region

Gasoduto Rússia-Alemanha sem sanções dos EUA

euronews_icons_loading
Gasoduto Rússia-Alemanha sem sanções dos EUA
Direitos de autor  Jens Buettner/dpa via AP
Tamanho do texto Aa Aa

Alemanha sauda decisão norte-americana de não aplicar sanções às entidades envolvidas na construção do gasoduto que vai ligar a Rússia à Alemanha. O assunto terá feito parte das reuniões bilaterais entre os Estados Unidos e a Rússia, à margem da reunião do Conselho do Ártico, na Islândia.

As sanções à Nord Stream 2, a empresa que gere o projeto e que vai construir a estrutura de abastecimento de gás, foram definidas durante a administração Trump. A renúncia foi comunicada pelo secretário de Estado norte-americano ao congresso e está em vigor pelo menos por três meses.

Euronews
O novo gasoduto é considerado crucial por vários países europeusEuronews

O ministro alemão dos Negócios Estrangeiros saúda a decisão, mas lembra que "não há promessas sobre o que será decidido em Washington quando o próximo relatório tiver de ser apresentado, dentro de três meses". Heiko Maas considera no entanto que a decisão dá mais "tempo para falar sobre o assunto com os responsáveis em Washington".

O projeto da Nordstream 2 está avaliado em 12 mil milhões de dólares. Uma obra que a Alemanha considera crucial para assegurar o fornecimento de energia à Europa, mas que os Estados Unidos dizem ameaçar a segurança energética do continente, por passar ao lado da Polónia e da Ucrânia.