This content is not available in your region

A grande polémica dos pequenos-almoços na Finlândia

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
A grande polémica dos pequenos-almoços na Finlândia
Direitos de autor  أ ب

Não há pequenos almoços grátis na Finlândia. A primeira-ministra da Finlândia está a ser investigada por gastar 850 euros por mês em pequenos-almoços em família. O subsídio mensal de Sanna Marin, pago pelos contribuintes do país, gerou polémica e os meios de comunicação questionam a sua legitimidade.

Tem havido algumas pessoas nos meios de comunicação social a pedirem a sua demissão, mas a primeira-ministra diz que só quer continuar com o trabalho e concentrar-se nas próximas eleições locais que se vão realizar no próximo domingo. Algumas pessoas podem dizer que a sua imagem pode sair prejudicada e a imagem dos sociais-democratas, mas devo citar um jornalista local que disse que isto mostra que a Finlândia tem sido muito transparente, onde os jornalistas podem realmente interrogar as autoridades e analisar este tipo de assuntos.
Bergfors Nyberg
Euronews

O gabinete defendeu a mesada como sendo uma prática corrente e a primeira-ministra defende-se dizendo que só está a seguir os acordos feitos antes da entrada em funções. Conta ainda com um grande apoio da população finlandesa, pela forma como geriu a pandemia.