This content is not available in your region

Rússia sai da Estação Espacial Internacional

Access to the comments Comentários
De  Euronews  com AP
euronews_icons_loading
Rússia sai da Estação Espacial Internacional
Rússia sai da Estação Espacial Internacional   -   Direitos de autor  AP/Roscosmos

É mais uma consequência das sanções do Ocidente a Moscovo. A Rússia decidiu abandonar a Estação Espacial Internacional (EEI) depois de 2024. A decisão foi anunciada pelo recém-nomeado chefe da agência espacial russa, depois de uma reunião com o Presidente Vladimir Putin.

O anúncio surge na sequência de tensões entre o o Kremlin e o Ocidente por causa da intervenção militar na Ucrânia e das sanções sem precedentes contra a Rússia.

Washington e Moscovo têm trabalhado lado a lado na EEI, que está em órbita desde 1998. "É claro que cumpriremos todas as nossas obrigações para com os nossos parceiros, mas a decisão de deixar esta estação após 2024 foi tomada", disse Yury Borisov. "Penso que esta é a altura de começarmos a montar uma estação orbital russa", acrescentou Borisov, chamando-lhe a principal "prioridade" do programa espacial.

Até agora, a exploração espacial era uma das poucas áreas em que a cooperação entre a Rússia e os Estados Unidos e os seus aliados não tinha sido arruinada. Borisov disse que a indústria espacial se encontrava numa "situação difícil" e que Moscovo vai "elevar a fasquia, e antes de mais, fornecer à economia russa os serviços espaciais necessários".