Boeing multada em 200 milhões de dólares

Boeing 737 MAX
Boeing 737 MAX Direitos de autor AP Photo/Elaine Thompson, File
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Construtora aeronáutica acusada de mentir acerca de segurança do modelo 737 MAX

PUBLICIDADE

Acusada pelas autoridades norte-americanas dos mercados financeiros de mentir acerca da segurança do modelo 737 MAX, a Boeing aceitou pagar uma multa de 200 milhões de dólares. 

Um problema com o software de voo esteve na origem de dois acidentes com aviões da Lion Air e da Ethiopian Airlines, em 2018 e 2019, que resultaram em 346 mortos e paralisaram a frota mundial de 737 MAX durante 20 meses.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Boeing planeia cortar 2 mil postos de trabalho

Regras de segurança apertadas salvaram passageiros do avião que se incendiou em Tóquio

Gatwick cancela voos por falta de controladores