EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Euro vale menos do que o dólar pela primeira vez em 20 anos

AP
AP Direitos de autor Gregorio Borgia/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved.
Direitos de autor Gregorio Borgia/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved.
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Paridade entre moedas está a preocupar os analistas que avisam para o aumento de preços nas importações

PUBLICIDADE

O Euro está a valer menos do que o Dólar pela primeira vez em 20 anos. Esta quarta-feira, um euro foi cotado em 1,01 dólares americanos.

Esta paridade entre as duas moedas está a preocupar os especialista, que avisam para o aumento de preços nas importações na Europa.

Michaël Bauer, Professor de Economia Financeira, Universidade de Hamburgo diz que o euro menos valioso "vai aumentar a inflação e pode criar alguns efeitos de feedback". Michaël Bauer diz que a Europa depende da importação de vários produtos, como "petróleo e muitos produtos básicos" e que essas importações vão "tornar-se mais caras.". 

Os turistas norte-americanos que estão na Europa de férias, trocam dólares por euros. Uma conversão que por estes dias dá mais dinheiro. Quem vem até ao continente europeu não se queixa desta paridade.

John Muldoon, turista de Delaware, dos EUA, diz que "é ótimo" e "mais fácil", porque o dinheiro "rende mais".  O mesmo relata Olivia Navarret, turista da Pensilvânia, dos EUA, que diz que é "mais barato" vir até à Europa. "É melhor vir aqui e gastar dinheiro aqui do que gastar dinheiro nos EUA. Podemos comprar as mesmas coisas porque é mais barato vir.", conta a turista. 

Os analistas prevêem que o euro continue a cair. Se assim for, esperam-se mais custos para as empresas e para as famílias.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Euro no valor mais baixo de sempre em relação ao dólar

Paridade euro/dólar traz turistas para a Europa

Alternativa ao lítio: Pode o manganésio substituir as baterias de lítio dos veículos elétricos?