EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Van Gogh, Toulouse-Lautrec e Tutancamon são sugestões de Rendez-Vous

Van Gogh, Toulouse-Lautrec e Tutancamon são sugestões de Rendez-Vous
Direitos de autor Reuters
Direitos de autor Reuters
De  Luis Guita
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

"Van Gogh and Britain" na galeria Tate, em Londres. "Toulouse-Lautrec e o espírito de Montmartre" na CaixaForum, Madrid. "Tutancámon: tesouros do faraó dourado" na Grande Halle La Villete, Paris.

PUBLICIDADE

"Van Gogh and Britain" é a exposição que reúne mais de 50 obras do pintor holandês na galeria Tate, em Londres.

A exposição procura mostrar como Vincent van Gogh foi inspirado pela Grã-Bretanha e como o pintor inspirou artistas britânicos.

Van Gogh viveu na Inglaterra durante alguns anos da sua juventude inspirou-se em obras de Constable e Millais.

"Van Gogh and Britain" pode ser vista até meados de agosto.

Em Espanha, o centro de arte CaixaForum, em Madrid, mostra a exposição "Toulouse-Lautrec e o espírito de Montmartre".

350 obras de coleções públicas e privadas mostram a atmosfera boémia de Paris e a influência do espírito de Montmartre no desenvolvimento da arte moderna.

Toulouse-Lautrec e seus contemporâneos influenciaram a evolução da produção artística efémera - cartazes, desenhos, desenhos, estampas.

"Toulouse-Lautrec e o espírito de Montmartre" pode ser vista até dia 15 de maio.

Na Grande Halle de La Villete, em Paris, pode-se visitar a Exposição "Tutancámon: tesouros do faraó dourado".

Tutancámon é provavelmente o rei egípcio mais conhecido - desde que o seu túmulo foi descoberto quase intacto em 1922.

A exposição mostra, até 15 de setembro, 150 peças raras que permaneceram intactas durante 3.000 anos. Algumas delas é a primeira vez que são vistas fora do Egito.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Regresso às noites boémias de Paris no Grand Palais

Art Paris 2024: a cena artística francesa no centro das atenções, com jovens talentos em destaque

Andrey Gugnin recebe o primeiro prémio de 150.000€ no Concurso Internacional de Piano Clássico 2024