EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Compositor Gabriel Yared em entrevista à euronews

Compositor Gabriel Yared em entrevista à euronews
Direitos de autor Euronews
Direitos de autor Euronews
De  Joao Duarte Ferreira
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O compositor premiado de bandas sonoras passou pelo Festival Lumière em Lyon a poucos dias de receber o prémio máximo da categoria

PUBLICIDADE

O compositor franco-libanês, Gabriel Yared, marcou presença no festival de cinema Lumière que termina este domingo na cidade francesa de Lyon.

O músico premiado com um Óscar pela banda sonora de "O Paciente Inglês" já compôs mais de uma centena de bandas sonoras, principalmente para filmes em França e nos Estados Unidos.

"Começo a trabalhar com base nos cenários e em discussões com o realizador. É daí que vem a inspiração e, a partir daí, segue-se muito trabalho com as imagens porque são as imagens que me dão a cor, o ritmo, a orquestração e por aí fora. Por isso, é um processo longo. Mas preciso sempre de passar muito tempo com o realizador" disse o compositor em entrevista à euronews.

Um dos realizadores que mais influenciaram o compositor foi Anthony Minghella com quem trabalho na banda sonora do filme "O Talentoso Ripley".

Para além de França e dos Estados Unidos, Gabriel Yared também trabalhou na Alemanha onde assinou a banda sonora de "As Vidas dos Outros".

Para Gabriel Yared, a música não tem fronteiras.

"A língua também contribui muito para a escolha da música, por vezes até serve para acompanhamento. O inglês flui de uma certa maneira, e a língua arábica também... mas não é tanto a língua que me interessa, é a coreografia geral, o que emerge das imagens, e não quero que a música esteja lá para traduzir as emoções. Está lá para, digamos, envolver o espírito, sem se concentrar muito nos detalhes", afirmou.

Gabriel Yared vai receber o Prémio Mundial para Bandas Sonoras no dia 24 de outubro na Bélgica, o prémio mais importante do mundo nesta categoria.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

História de Greta Thunberg chega ao cinema

Juliette Binoche distinguida pelo Festival de Cinema de Zurique

Os grandes filmes dos Prémios do Cinema Europeu 2023