EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Coletivos artísticos assinalam Dia Internacional da Mulher

Dia Internacional da Mulher
Dia Internacional da Mulher Direitos de autor AFP
Direitos de autor AFP
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Arte e música no feminino marcam o dia 8 de março.

PUBLICIDADE

Arte e música no feminino para assinalar o Dia Internacional da Mulher. Coletivos de todo o mundo marcam a data e seis artistas de um coletivo de arte de rua de Londres denominado "WOM Collective" criaram um mural na cidade de Brixton. O mural marca o início de uma residência artística de cinco semanas, com 30 obras de 30 artistas.

O objetivo do coletivo era reunir as mulheres e também envolver outras que talvez não tenham confiança suficiente para pintar na rua e dar-lhes exposição... E também para que se vejam como uma irmandade, como colegas e não como uma competição.
Elena González
WOM Collective

O coro feminista "Rebellious Lips" canta pela igualdade em Paris. A fundadora do grupo, Coline Pélissier, defende a união de todas as ativistas femininas numa única voz.

No início foram mais as cantoras que decidiram tornar-se militantes e penso que não se sentiam necessariamente confortáveis na participação ou na escolha entre um grupo ou outro. Sem saberem como escolher ou como se posicionar. Mas à medida que o tempo foi passando mudou, porque também atraímos activistas que queriam cantar, porque é algo muito presente em todas as lutas, sejam elas feministas ou sociais. Há sempre cânticos.
Coline Pélissier
Fundadora - "Rebellious Lips"

O coletivo chileno "Las Tesis" criou burburinho com uma flash mob: "Un violador en tu camino", contra o uso sistemático de violência sexual como forma de repressão.

Apresenta agora uma nova performance "Resistência ou a reivindicação de um direito coletivo" no Festival Internacional Santiago a Mil.

O coletivo reivindica o direito das mulheres a uma vida livre - de violência. O festival continua até abril.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Estado da União": Promover empoderamento feminino

Art Paris 2024: a cena artística francesa no centro das atenções, com jovens talentos em destaque

Andrey Gugnin recebe o primeiro prémio de 150.000€ no Concurso Internacional de Piano Clássico 2024