EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

"The Corner": Espanhóis "invadem" Lisboa na final da Champions

"The Corner": Espanhóis "invadem" Lisboa na final da Champions
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
PUBLICIDADE

Pela primeira vez na história da Liga dos Campeões, duas equipas da mesma cidade vão encontrar-se na final: Real Madrid e Atletico Madrid.

Depois de termos visto no ano passado, Bayer Munique e Borussia Dortmund na final, muitos pensaram que iria começar uma nova era de domínio do futebol alemão na Europa. Mas Espanha destronou os germânicos este ano. O Real Madrid, 9 vezes vencedor da competição, chega à final da Champions pela primeira vez em 12 anos depois de uma noite histórica na Allianz Arena.
Os merengues tinham vencido na primeira mão por 1-0 e na segunda derrotaram os campeões em título por 4-0 com Cristiano Ronaldo e Sergio Ramos a marcar duas vezes. Os Galáticos vão disputar a 13ª final da Champions.

No final da partida, o treinador do Bayern, Pepe Guardiola, explicou o que correu mal: “foi uma má noite para nós, para mim e para os jogadores, mas continuo orgulhoso da minha equipa, dos meus jogadores. Correu-nos mal porque na primeira parte não tivemos posse de bola. E na minha opinião o futebol é feito com a bola no pé. Não conseguimos jogar com bola”.

Já o treinador do Real, Carlo Ancelotti, deu a chave para o sucesso:
“defendemos muito bem na frente. Já o tinhamos feito na primeira volta e tivemos um contra-ataque muito eficiente, com passes pelo chão, usando a velocidade dos avançados. Preparámos bem as bolas paradas e correu bem, sobretudo, nos primeiros dois golos”.

*Derby de Madrid em Lisboa

A outra equipa que vai estar na final de Lisboa é o Atletico Madrid, que chegou a esta fase da competição pela primeira vez em 40 anos. Os eleitos de Diego Simeone bateram o Chelsea por 3-1 em Stamford Bridge, depois do empate a zero na primeira volta em Madrid. Golos de Adrian Lopez, Diego Costa e Arda Turan. Esta foi a primeira derrota de sempre em casa para o Chelsea numa meia final europeia. Agora todos os olhos estão postos no derby de Madrid que vai acontecer no Estádio da Luz, a 24 de maio. Irá o Real conquistar o 10º título ou será o Atletico a vencer pela primeira vez o troféu.

José Mourinho acredita que “num minuto duas ações decidiram o jogo. Depois disso só existiu uma equipa em campo. A minha equipa, com orgulho, tentou com honra, orgulho e profissionalismo, dar tudo por tudo. Depois desse momento o jogo ficou controlado. O Atletico, muito maduro, inteligente na forma como controlou o jogo. Os jogadores deram tudo, estou contente por eles. Pode ir para casa tristes mas de cabeça levantada”.

O treinador do Atlético, Diego Simeone, sublinha que este “é um momento fantástico. É um momento muito importante, especialmente porque temos uma enorme responsabilidade para com os nossos adeptos. Gastaram muito dinheiro para vir até aqui e sabemos o quão difícil foi para eles. Tudo é muito difícil para esta equipa. E nós quisemos estar à altura dessa responsabilidade. Agora não temos muito tempo para analisar este momento uma vez que já temos de começar a pensar no próximo jogo contra o Levante.”

Terminamos por aqui este “The Corner” especial, voltamos na próxima segunda-feira.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Real Madrid é campeão antecipado da LaLiga

Justiça espanhola pede quase cinco anos de prisão para Carlo Ancelotti por fraude fiscal

Morreu Artur Jorge, ex-selecionador nacional e treinador campeão europeu pelo FC Porto