EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

A polémica "saudação nazi" de Isabel II

A polémica "saudação nazi" de Isabel II
Direitos de autor 
De  Rodrigo Barbosa com AFP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Demasiado jovem para compreender o significado do gesto: esta é a resposta de próximos da Casa Real britânica ao vídeo embaraçador que o jornal

PUBLICIDADE

Demasiado jovem para compreender o significado do gesto: esta é a resposta de próximos da Casa Real britânica ao vídeo embaraçador que o jornal sensacionalista The Sun publicou na internet, no qual a futura Rainha Isabel II aparece a fazer a saudação nazi.

Nas imagens gravadas no início dos anos 30, a futura monarca – então com 6 ou 7 anos de idade – aperece junto à Rainha-mãe,a princesa Margarida e ao tio – o futuro rei Eduardo VII -, que parece encorajar o polémico gesto.

Stig Abell, responsável editorial do The Sun, justifica a posição “purista” do jornal, dizendo que “é do interesse nacional e do público revelar um documento com significado histórico e cultural”.

Os laços entre Eduardo VIII e o regime nazi sempre alimentaram especulação no Reino Unido. Em 1937, um ano depois de abdicar da coroa para poder casar-se com Wallis Simpson, uma norte-americana divorciada, o ex-monarca encontrou-se com Hitler na Alemanha.

Mas o papel e posição da futura Rainha Isabel II durante a Segunda Guerra Mundial,
servindo nomeadamente ao volante de uma ambulância, nunca foi alvo de debate. E o afeto de um grande número de britânicos à Rainha-mãe e ao Rei Jorge VI deve-se à decisão de não sairem de Londres durante os bombardeamentos alemães de 1940.

William Shawcross, biógrafo oficial da mãe de Isabel II, explica que passou “seis anos a pesquisar nos Arquivos Reais” e, em todos os documentos e cartas escritas “nos anos 20, 30 e 40, não há o mais pequeno indício de que alguma vez escreveu ou teve qualquer tipo de sentimento pró-nazi”.

A Casa Real está agora a tentar apurar como é que o vídeo, que permaneceu longe dos olhos do público durante mais de 80 anos, caiu nas mãos do The Sun.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Notas com cara de Carlos III entram em circulação em junho

O Rei Carlos III celebra 75 anos

Centenas assistem a recriação de desembarque do Dia D