EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Turquia junta-se à coligação liderada pelos EUA

Turquia junta-se à coligação liderada pelos EUA
Direitos de autor 
De  Nelson Pereira
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Caças turcos executaram na sexta-feira à noite ataques na Síria contra posições do autoproclamado Estado Islâmico. Estas foram as primeiras

PUBLICIDADE

Caças turcos executaram na sexta-feira à noite ataques na Síria contra posições do autoproclamado Estado Islâmico.

Estas foram as primeiras operações da aviação turca no quadro da coligação liderada pelos Estados Unidos, anunciou no sábado o ministro dos Negócios Estrangeiros turco Mevlut Cavusoglu.

A Turquia aceitou no mês passado abrir à coligação as suas bases de importância estratégica, mas permaneceu relutante em desempenhar um papel de relevo no combate contra os extremistas sunitas.

Entretanto o cessar-fogo que o exército sírio e o Hezbollah tinham acordado com os rebeldes sírios foi quebrado no sábado, numa cidade síria próxima da fronteira libanesa., de acordo com o Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

A trégua estava em vigor desde quinta-feira na cidade de Zanadani e nas povoações xiitas de Kefraya e al-Foua.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Primeiro contingente de tropas da Alemanha chega a Vilnius para reforçar flanco leste da NATO

Porta-voz do exército israelita: "Pode haver um cessar-fogo hoje ou daqui a um ano".

Ucrânia: guerra às portas da Europa abre caminho a projeto de defesa comum