Última hora

"Comboios sobrelotados": Áustria suspende ligações à Hungria

"Comboios sobrelotados": Áustria suspende ligações à Hungria
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Áustria suspendeu esta manhã as ligações ferroviárias com a Hungria, quando milhares de refugiados continuam a tentar atravessar a fronteira entre os dois países.

A companhia de caminho de ferro austríaca afirma que a suspensão poderá prolongar-se até amanhã, justificando a decisão com o facto dos comboios circularem sobrelotados.

Mais de dois mil refugiados provenientes da Hungria foram acolhidos esta manhã na estação de Viena.

Do outro lado da linha, mais de cinco centenas de refugiados aguardam por um comboio na estação de Keleti em Budapeste.

As autoridades húngaras afirmaram que vão manter o serviço de comboios até à fronteira, junto à localidade austríaca de Nickelsdorf.

Mais de três mil refugiados tinham entrado a pé, e por estrada, por esta localidade fronteiriça durante a noite, tendo sido transportados para centros de acolhimento na Áustria.

A Hungria mobilizou entretanto o exército para a fronteira com a Sérvia, por onde mais de 5 mil pessoas teriam entrado no país nas últimas horas.

Um refugiado morreu atropelado esta manhã quando caminhava numa estrada húngara, nos arredores do campo de Roszke.

Trata-se da segunda pessoa a morrer no país nos últimos dias, depois de um refugiado paquistanês ter falecido quando circulava pela linha férrea, em direção à Áustria, nos arredores de Biszke.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.