EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Rússia: Incêndio em hospital psiquiátrico mata 23 pessoas

Rússia: Incêndio em hospital psiquiátrico mata 23 pessoas
Direitos de autor 
De  Dulce Dias com AFP, BBC
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Vários pacientes tiveram de ser retirados à força: tinham tomado soníferos ou sedativos antes de dormirem e recusavam-se a abandonar o hospital, incapazes de se aperceberem do perigo

PUBLICIDADE

Pelo menos 23 pessoas morreram e outras tantas ficaram feridas, consequência de um incêndio num hospital neuropsiquiátrico, na Rússia.

Mais de 400 bombeiros e socorristas foram destacados para o local.

O incêndio deflagrou na noite de sábado para domingo, num edifício em madeira da instituição hospitalar, situada na aldeia de Alferovka, na região de Voronezh, no sudoeste da Rússia.

23 dead in neurological hospital fire in central Russia https://t.co/52tQdzg870

— Russia Update (@RussiaUpdate) December 13, 2015

O fogo declarou-se por volta das 21h00 de sábado e foi controlado às 5h da madrugada, de domingo. As autoridades pensam que tenha tido origem num curto-circuito.

Pelo menos 51 pessoas foram salvas mas vários pacientes tiveram de ser retirados à força: tinham tomado soníferos ou sedativos antes de dormirem e recusavam-se a abandonar o hospital, incapazes de se aperceberem do perigo.

Todos os anos, inúmeras pessoas morrem em incêndios, na Rússia, resultado da vetustez dos edifícios soviéticos e de medidas de segurança laxistas. As instituições hospitalares são particularmente vulneráveis.

Em abril de 2014, oito pessoas morreram num incêndio de um centro de desintoxicação em Altai, na Sibéria; no ano anterior, em setembro, 37 pacientes tinham sucumbido a um incêndio num hospital psiquiátrico no noroeste do país; igualmente em 2013, mas em abril, 38 pessoas – na sua maioria, deficientes mentais – morreram num hospital da região moscovita.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Putin ameaça a Alemanha: Rússia pode fornecer armas para atingir alvos ocidentais

Putin substitui Shoigu porque quer Ministério da Defesa "aberto à inovação"

Putin substitui ministro da Defesa. Shoigu será secretário no Conselho de Segurança da Rússia