A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

China: Alibaba com crescimento abaixo do previsto

China: Alibaba com crescimento abaixo do previsto
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O crescimento do gigante chinês do comércio em linha, Alibaba, está a abrandar.

De acordo com as projeções da Reuters, o retalhista da internet terá terminado o último trimestre de 2015 com um crescimento de 26,6 por cento.

De acordo os analistas da Reuters, é a taxa de crescimento mais fraca desde que a empresa começou a publicar esses dados, há pouco mais de três anos.

O abrandamento do Alibaba contrasta com o crescimento de entre 47 a 51 por cento, esperado para o último trimestre de 2015, do rival JD.com.

Para os analistas, a estratégia do JD.com em se concentrar nos compradores mais ricos das maiores cidades da China, parece dar frutos.