A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

TUI reorienta oferta de destinos turísticos por questões de segurança

TUI reorienta oferta de destinos turísticos por questões de segurança
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O grupo TUI, o maior operador turístico do mundo, viu as reservas para a Turquia, este verão, recuarem 40%, devido a questões de segurança. As mesmas razões estão a afastar os turistas do norte de África.

O operador turístico está a investir em Cabo Verde e na Bulgária como destinos alternativos, e regista uma subida da procura pelas Ilhas Canárias ou pela Grécia.

No primeiro trimestre, a TUI teve prejuízos de 101 milhões de euros, menos do que no mesmo período do ano passado. Contabilizou ainda uma desvalorização de 42 milhões de euros na sua participação no armador Hapag-Lloyd.

Veja aqui as contas trimestrais do Grupo TUI